Emails de prospecção
Marketing

Emails de prospecção: 5 templates para você conseguir a conexão

Qual é o seu email de prospecção padrão? Aquele que você envia para todos os seus leads em busca de uma conexão? Ele funciona? Os leads abrem ou respondem suas tentativas?

A ideia deste conteúdo é fazer um overview rápido sobre emails de prospecção e seus elementos. Além disso, um passo a passo para você construir seus próprios emails e alguns templates para servir como inspiração.

Só não vale copiar e colar, ok?

Já sabemos há muito tempo que o cold mail, assim como a cold call, vieram para ficar e que, em vendas B2B consultivas, quanto mais personalizado você for na sua abordagem com os leads, melhor.

Agora, pare por um segundo, abra sua caixa de entrada (se já não estiver aberta) e me responda:

  • Quantos emails você recebeu ontem?
  • Quantos emails você abriu?
  • E quantos você respondeu?

Mesmo que seja importante, a quantidade de informação que recebemos diariamente acaba por transbordar a nossa capacidade de prestar atenção em tudo.

Quando vamos criar emails de prospecção essa deve ser uma variável a ser considerada.

Também é preciso dizer que, quando estamos falando de prospecção, não existe bala de prata, aquela comunicação que, com certeza, vai fazer você obter 100% de resposta.

Já falamos aqui no blog que o que vai fazer você potencializar os seus resultados de prospecção é a personalização dos seus emails e os follow ups que você faz.

Em um fluxo de cadência você consegue construir essa sequência de contatos até garantir que você fez o possível para obter uma resposta.

Se depois de todas essas práticas, seu lead realmente não respondeu, é porque ele não está no momento de compra. Melhor partir para o próximo!

Diversas vezes, quando estava seguindo meu fluxo, fui obter uma resposta do lead somente no último email, um email de break up normalmente utilizado para se despedir.

Interessante, não é? Ás vezes, só quando você abre mão é que aquilo que você tanto queria acontece: o prospect responde.

Agora vamos ao ponto, o que é importante atingirmos quando estamos falando de emails de prospecção? É bem simples.

Open rate e Reply rate

De forma bem direta, as definições são:

  • Open rate é a porcentagem de emails enviados por você que são abertos por seus leads;
  • Reply rate é a porcentagem de emails enviados por você que são respondidos por seus leads.

É claro que nesse caso você deve qualificar os seus leads antes de enviar os emails. Não vai enviar email de prospecção para leads completamente sem perfil.

Essa prática joga as suas taxas lá embaixo!

Imagine a seguinte situação: você escreve um email matador, falando sobre os problemas que seus leads realmente estão enfrentando.

Você envia o email para um tomador de decisão, mas ele era o CMO, responsável pelo marketing. O foco da sua solução é a área de RH, o CMO não tem a dor que você resolve.

É provável que ele nem vá abrir o seu email.

Mas o que realmente faz com que esse contato nem abra e sequer responda seu email?

Os elementos de um email de prospecção

Como análise geral, os pontos que interferem no seu open rate são:

Sua identificação

O lead já conhece você de algum lugar?

Suponhamos que ele lê o blog da sua empresa, ou talvez vocês trocaram contato em algum evento que acabou de acontecer ou, melhor ainda, você é referência na sua área.

Familiaridade favorece a conexão.

Assunto

O quão interessante é o assunto do seu email?

Lembre-se que o assunto tem que ser uma frase que dê vontade de clicar.

Muitas vezes um assunto vago pode até deixar o lead curioso o suficiente para clicar, mas o ideal é que o assunto seja relevante e esteja acordo com o cenário do lead.

Mesmo nos casos em que o lead chega a abrir seu email, ainda é possível que ele não responda, o que interfere na sua taxa de resposta.

O reply rate será alto quando sua mensagem for clara e interessante para a realidade de quem está recebendo, despertando no lead a vontade de responder.

Os principais pontos que interferem no reply rate de emails de prospecção são:

Aparência

A aparência do email é avaliada de forma praticamente inconsciente. Nem por isso você deve menosprezá-la.

Abrir um email que parece email marketing, ou que parece spam, cheio de imagem e cores, é uma quebra de expectativa enorme. Nem você gosta de receber esse tipo de email.

Briefing

São as primeiras palavras do seu email.

É quando você cumprimenta e se apresenta para o lead. Seja direto, esteja lá para acrescentar valor para o lead, não para falar sobre você.

Corpo do Email

Já sabe que vivemos na era da informação, não é? Ou seja, qualquer conteúdo que gaste dois ou mais minutos para ser lido ou visto, levantará o seguinte pop-up mental:

  • Eu realmente tenho tempo para analisar isso?
  • Isso será realmente interessante para mim?

Se o seu email não é sucinto e relevante, é provável que será deixado para outra hora. E essa outra hora significa, muitas vezes, nunca mais.

CTAs (Calls to Action)

Qual é a próxima parte do processo que você precisa que seja aceita pelo lead? Se for uma reunião, termine com o pedido já sugerindo uma data e hora.

Always be closing, right?

Assinatura

Se o lead precisar alcançar você de uma forma mais pessoal ou quiser saber mais sobre sua empresa, ele vai olhar sua assinatura.

Uma boa assinatura mostra muito mais credibilidade e profissionalidade para seu lead.

emails de prospecção elementos

Caso queira se aprofundar mais nesses elementos de um cold mail, você pode conferir nosso conteúdo sobre a anatomia do email de prospecção ideal.

Falei muito aqui sobre open rate e reply rate, e você pode estar pensando: 

Ok, mas que eu me lembre, a ferramenta que eu uso não monitora essas métricas. O que eu faço?

É ideal que você tenha acesso a esses números caso queira realmente otimizar a sua estratégia de prospecção. Algumas ferramentas, como o Reev, mostram esses dados.

por que o reev fluxo de cadência com números

Feito esse overview que eu prometi, vamos ao que interessa:

5 templates de email de prospecção para você conseguir a conexão

Resolvemos compartilhar alguns templates de email que já utilizamos e até alguns que já utilizaram para nos prospectar.

Se você quiser mais, temos um ebook com 27 templates de email.

Template de email de prospecção #1: Twist the knife

emails de prospecção template twist the knife

O modelo twist the knife segue a lógica de mostrar um problema que o lead, provavelmente, possui e uma implicação desse problema.

Você coloca de forma bem objetiva uma implicação negativa que faça com que o lead sinta ainda mais forte a sua dor.

Depois disso, você mostra o caminho para uma possível solução, gera valor para o lead e aumenta o interesse dele em falar com você.

No CTA você tenta agendar uma reunião, que é o seu próximo objetivo.

Template de email de prospecção #2: AIDA

emails de prospecção template aida

Você já deve conhecer o acrônimo AIDA, já falamos muito sobre ele por aqui.

Para aqueles que ainda não sabem, AIDA significa: Atenção, Interesse, Desejo e Ação. Ou seja, são as quatro fases que todo lead deve passar antes de tomar a decisão de compra.

  • Atenção: você deve despertar a atenção do seu lead através do seu email;
  • Interesse: ao longo da sua abordagem, o lead deve sentir interessado;
  • Desejo: despertando o interesse, você deve despertar o desejo pela solução;
  • Ação: deixe sempre bem claro qual o próximo passo na venda.

Template de email de prospecção #3: um bom CTA

emails de prospecção template cta

Você deve deixar a sua proposta de valor bem clara para o lead, e isso vale para qualquer email que eu citei por aqui.

Nesse caso, o CTA é um destaque interessante porque, além de levar o lead para um conteúdo que pode gerar um grande valor em cima do problema, você ainda reconhece que o tempo dele é valioso.

Template de email de prospecção #3: o elogio

emails de prospecção template elogio

Todo mundo gosta de receber um elogio. O desafio de fazer isso bem em uma prospecção é ser sutil e espontâneo, assim como na primeira frase desse email.

Além disso, emails mais curtos e objetivos estão em alta. Como falei ali em cima, se o lead tiver que gastar mais de dois minutos com você, ele vai avaliar bem se vale a pena.

Outro ponto importante em vendas consultivas é que você deve se mostrar aberto a ajudar. Quando você fala que “adoraria saber se consegue ajudar em algo” você se mostra prestativo e demonstra boa vontade.

Template de email de prospecção #4: personalização

emails de prospecção template personalizado

Como eu disse ali em cima, personalização também é muito importante em vendas consultivas.

Quando você vai prospectar um lead, para que ele tenha interesse em ler ou responder a sua mensagem, ela tem que ser muito bem contextualizada de acordo com o cenário dele.

Nesse email você gera rapport, por falar sobre o evento que ambos participaram, demonstra que conhece o lead e admira o trabalho dele.

Logo após um evento que você participou e o seu lead também, esse email gera muito resultado, exatamente por ser muito personalizado.

Template de email de prospecção #5: indicação

emails de prospecção template indicação

O objetivo desse email é obter uma conexão com uma indicação morna, que ocorre quando alguém apenas menciona que um conhecido possui o problema que você resolve.

Quanto mais específico você for ao comentar sobre o problema, mais contexto você traz para a conversa e mais engajamento você terá com o lead indicado.

O elemento de prova social, ou o seu case de sucesso, é importante para que o lead saiba que, além do contato em comum, você ajudou outras empresas no mesmo segmento.

Template de email de prospecção #bônus: retomada

Sabe aquele lead que você prospectou, conseguiu conexão, mas ele pediu que você retornasse daqui algum tempo? Você desistiu dele? Não faça isso!

emails de prospecção template retomada

Você pode construir um email como esse com o objetivo de retomar o contato com alguns leads que sumiram, seja por não ter o perfil ou não estarem no momento de compra.

É interessante a estratégia de relembrar a conversa anterior e adicionar algum detalhe de como foi a primeira conexão para facilitar a reconexão.

Saiba que times com um fluxo de retomada bem estruturado conseguem reaproveitar uma porcentagem interessante da sua base de leads dados como perdidos.

Conclusão

E aí? Depois deste conteúdo você consegue construir os seus próprios templates de cold mail? Lembre-se de todos os elementos que compoem um email de prospecção e da importância de cada um, ok?

Se você gostou, ou se gostaria de passar algum feedback ou tirar alguma dúvida, é só deixar um comentário aqui embaixo. Será um prazer responder.